Instalando Firefox no Debian (Wheezy) sem um Gerenciador de Aplicativos

Instalando Firefox no Debian (Wheezy) sem um Gerenciador de Aplicativos

Muitas distribuições do Linux incluem o Firefox como navegador padrão, e muitas têm um gerenciador de aplicativos (apt-get, yum, etc…) que pode facilmente auxiliá-lo a instalar o Firefox. O gerenciador de aplicativos irá:

 

  • Certificar que você possui todas as bibliotecas necessárias para rodar o Firefox.
  • Instalar o Firefox de um modo que funciona melhor com sua distribuição do Linux.
  • Criar atalhos para iniciar o Firefox.
  • Disponibilizar o Firefox para todos os usuários do seu computador.
  • Habilitar a remoção do Firefox como qualquer outro aplicativo.

O gerenciador de aplicativos também possui alguns pontos negativos:

  • Pode não obter a ultima versão do Firefox.
  • Pode obter uma versão sem a marca Firefox.

Antes de instalar o Firefox, certifique-se que o seu computador possua as bibliotecas necessárias Instaladas. Bibliotecas faltando podem causar o não funcionamento ou funcionamento incorreto do Firefox.

Em meu caso, eu já possuía o Firefox instalado via apt-get(gerenciador de aplicativos), quer dizer que eu não precisei instalar as bibliotecas, pois elas já tinham sido instaladas.

Se é a primeira vez que você vai instalar, então atente para os requisitos.

O arquivo de instalação fornecido pelo Mozilla em formato .tar.bz2 não contém o código fonte, mas sim os arquivos binários já compilados. Portanto, você pode simplesmente desempacotar e rodar os arquivos. Não é necessário compilar o programa através do código fonte.

As seguintes instruções instalarão o Firefox em sua pasta “Home”, e somente o usuário atual poderá rodar a aplicação.

Passo a passo de como instalar o Firefox

  1. Baixe o Firefox através da página de download do Firefox, para a sua pasta “Home”.
  2. Abra o terminal e siga para o diretório home: cd ~
  3. Extraia o conteúdo do arquivo baixado: tar xvjf firefox-*.tar.bz2
  4. Feche todas as janelas do Firefox se tiver alguma aberta.
  5. Para iniciar o Firefox, execute o script firefox presente na pasta firefox: ~/firefox/firefox

Se você tentar iniciar o Firefox através de um Terminal com o comando firefox ele irá tentar iniciar a versão instalada pelo gerenciador de arquivos ou dirá que o programa não está instalado.

Atente para o comando correto ~/firefox/firefox, caso você se já encontre na pasta certa (~/firefox) então digite apenas ./firefox.

Para corrigir o menu do Debian, pois ele ainda aponta para a versão antiga, utilize a interface do sistema:

aplications -> accessories -> mainMenu

Fonte: – support.mozilla.org/pt-BR/instalando-o-firefox-no-linux

Instalando o Firefox via repositório (Debian wheezy)

No Debian é preciso adicionar um canal de repositório:

Altere o arquivo /etc/apt/sources.list, inclua a seguinte linha:

deb http://packages.linuxmint.com/ debian main upstream import

Atualizamos o apt-get:

apt-get update

Agora é só instalar:

apt-get install firefox

Dica, você não mais precisará do iceweasel, então pode desinstalar:

apt-get remove iceweasel 

Fonte: – http://linuxconfig.org/easy-way-to-install-firefox-browser-on-debian-7-wheezy